O mago Brício

 


O PSD/CDS trouxe uma declaração de voto com conteúdos
que nunca forma debatidos na reunião camarária. Já parece
as conclusões dos Concelhos Regionais e Congressos do PSD/M.
Foram à bruxa e adivinhou? Peçam o dinheiro de volta!

O cabeça de lista da coligação PSD/CDS, advogado que até foi Presidente da Seção Regional da Ordem dos Advogados numa coisa destas? Vale assim tanto a pena ilegalidades para provar lealdade ao partido ou sair com algum sucesso em Santa Cruz? É por causa da lista de deputados em 2023? O PSD-M não consegue ganhar limpo e deixar de mentir?

A votação da ata da reunião de Assembleia Municipal de Santa Cruz, ocorrida no passado dia 29 de abril, uniu PS e JPP no voto contra uma declaração de voto da Coligação Cumprir Santa Cruz, que junta PSD e CDS, em virtude da mesma ter um conteúdo que nunca foi declarado nem discutido em sede de Assembleia. (link)

Não sei não, mas com este currículo até podem arranjar o tachinho de prémio ao Brício, talvez a nova Agência de Inovação e Modernização da Região Autónoma da Madeira, mais um Instituto de Tachinhos, porque essa carinha na lista de candidatos vai queimar. É evidente que não chega a tempo, antes dos tachos nascem os premiados. A orgânica do GR é em função dos tachos e não da utilidade.

Um parágrafo para Bruna Gouveia. Mulher, tinhas sido positivamente destacada na Covid-19, saiu-te bem. Até foi bom desaparecer porque com este secretário ditador vai sempre a descer, e agora associas-te a uma cena destas? Más companhias ardem crédito.

Finalizo com um pensamento, caro Brício se isto fosse feito na Assembleia Regional passava com a maioria absoluta mas continuava uma fraude. Entretanto o senhor Presidente deve estar a contratar um Teatro de Fantoches para a primeira semana de Julho...

Dai-me paciência, rios de dinheiro nisto...

Enviado por Denúncia Anónima.
Terça-feira, 14 de Junho de 2022
Todos os elementos enviados pelo autor.

Adere à nossa Página do Facebook (onde cai as publicações do site)
Adere ao nosso grupo do Facebook: Ocorrências CM
Segue o site do Correio da Madeira