A ditadura dos bastardos dos perfis falsos


Bom dia mês crides sovinas, lume neles todos. O Lúcifer vai falar a sério, ui, se não prestava a brincar, a sério então é que vai ser!

A Madeira vive numa ditadura ... da incompetência e dos jumentos com poder, sem dúvida, e os Miras andam iludidos a votar no PuPuDê para eternizar os ditadores. Querem despachar o Maduro para se porem daqui para fora mas vêm para aqui estragar a Madeira como fizeram na Venezuela, votando iludidos e a fugir ao fisco. Boa cridos, empreiteiros do Inferno. Dos outros de Câmara de Lobos não se espera mais enquanto não tirarem as duas palas da vista. Quanto mais pobre, nem que seja de espírito, mais gostam de ver a riqueza dos outros. Não se dão conta? Deixem-me adivinhar, já acabou o carinho de campanha? Jumentos foram gozados. A Madeira vivia uma ditadura com algum tento na acção e com o desbocado do Jardim a espernear e a controlar tudo, agora temos uma ditadura de bisalhos tontos. Têm 3 "virtudes", presunção, arrogância e insolência, aqui deixam de ser bisalhos, são uns emperuados.

Estou bloqueado no Facebook porque, dizem, estou acusado de fazer SPAM, o que é completamente falso, escrevo no meu canto e não chateio ninguém por mais duro que seja em qualquer outro sítio. Como o Correio da Madeira garante que não me fizeram partida, só restam as toneladas de perfis falsos do PuPuDê, esses democratas ditadores que matam ou compram toda gente que diz a verdade. O Inferno espera por vocês canalhada.


A bandidagem do PuPuDê é muita, são anos e anos a ter emprego em esquemas fraudulentos de concursos públicos. Ninguém de direito vê nada, crime é falar no CM. Quando chega a altura das eleições, os vadios que têm toda a calma do mundo no bem bom ficam excitados. Esses que o sistema protege e que não trabalham, andam a contradizer a verdade e a arranjar esquemas para denegrir e inutilizar tudo o que possa estragar a zona de conforto deles ... na hora de serviço. Há gente que nem em campanha e nem em dias normais vão ao emprego mas recebem ordenado e são promovidos para premiar os trabalhos sujos. Os ditadores são pela Madeira, pelos madeirenses e pela Autonomia, grande mentira, são bastardos que estão aqui para encher a pança e não respeitam ninguém.

A ditadura do PuPuDê, viu-se nas Regionais, é um vazio completo, agora não tem nada para dizer, nem caras, nem programa de governo, só querem saber de mentir, iludir as pessoas e comprar todas aquelas que podem. Eu aderi ao Correio da Madeira para dizer a verdade e não vai ser a bandidagem do PuPuDê que me vai fazer afastar um milímetro. Se você é do PuPuDê e não se acha bandidagem então saia, demita-se do partido da corrupção, do compadrio, da viciação, da perseguição, dos aldrabões! Quando vier a rusga no fim da ditadura você também vai de cana. Cúmplice.

Ser falso é ser falso, perfil falso, falsos como judas. Os anónimos só têm dito verdades enquanto os *** da Renovação conspurcam.

Bloqueie, denuncie, mate os *******, afinal são só falsos, não são gente. Estão a criar uma sociedade virtual que só diz bem da ditadura. Já têm jornais, sites de informação, televisão, rádios, jornalistas, comentadores, viciadores da verdade. Você participa como pobre e dá palminhas, alminhas, alminhas.

Está esclarecido porque tenho participado menos. Ferrem-lhes lume seguidores de Lúcifer, denunciem no CM e no Facebook.

Share on Google Plus