Programa “Chapelada no Atlântico”


Enviado por Denúncia Anónima
Quarta-feira, 24 de Julho de 2019 07:43
Texto, título enviados pelo autor. Ilustrações CM.

Jovem, menos jovem, empalamado, caquético, a ti me dirijo. Queres fazer a diferença? Queres te sentir imprescindível e essencial? Queres viver uma vida de aventuras? Queres modelar o Mundo em que vives? Participa no programa Chapelada no Atlântico que se inicia no dia 28 deste mês.

Chapelada no Atlântico é mais uma volta de 360º da organização Laranja Azêda, e pretende ser a Renovação da Renovação. O programa é realizado por Cantinflas criador da série “Anulação” e com a participação especial de Papadas Medroso, o conceituado criador de “Comércio Prá Frente”, a “Conspiração Trilateral”, o documentário “Benefícios do DDT” e o “Desempregado Político”. O programa “Chapelada no Atlântico” transforma tuas supostas fraquezas em virtudes.

Se és cheiinho transformamos-te no defensor da Saúde. Se és inculto, tornar-te-ás o campeão da Educação. Se gastas milhares em roupas, tornar-te-ás o defensor da pobreza. Se pensas que sabes tudo e tua visão não vai além de teu umbigo, tornar-te-ás o suprassumo da Natureza. Se nunca viste uma enxada, tornar-te-ás o especialista em agricultura. Se és crédulo e fraco, os investimentos serão o teu pão. Se és feio e antipático, o Turismo está na tua cara. Se não simpatizas com as dificuldades da esmagadora maioria da população, apoias o trabalho não renumerado e faliste umas empresas, a Vice-Presidência tem o teu nome. Se nada na vida soubeste gerir (saúde, profissão, investimentos, relações pessoais e familiares,…) tens a sólida hipótese de ser Presidente. Como podes ver, o programa valoriza as fraquezas, quantas mais tiveres, maior será o teu sucesso.

A base científica deste programa é que “o individuo mais errado para ter um determinado cargo é aquele que o obtém e o consegue manter”. Este programa inspirado em Louis Claude de Saint- Martin promove a educação através de enriquecimento pessoal (através de experiências e jogos): vais amar o que odeias, e odiar o que amas. Tal como o Diabo, estas experiências têm sempre o rabo de fora, e um jogador frio e perspicaz facilmente as reconhece.

O engano e a fraude são a base do jogo, e as vitórias e as derrotas nunca são vitórias nem derrotas; são meras experiências de dor que devem ser vistas como oportunidades para aperfeiçoamento da vontade. As experiências tendem a mostrar todos os lados da Moral, a posição de agressor e a de sofredor, sem que nenhuma das partes tenha razão. Questões de Justiça são removidas indiscriminadamente do jogo pelo seu autor.

Chapelada no Atlântico vai te permitir participar numa demonstração de força da Laranja Azêda, que por sua vez promoverá a Chapelada no Atlântico. Participa, pois és imprescindível para mais este sucesso. Participa e Vive uma vida de aventuras em que colhes o que outros semeiam (mas isso não quer dizer que semeiem coisas boas…), e não vês frutos do que semeias.

Participa e Cria a tua própria realidade pré-determinada discricionariamente pelo autor deste programa e afecta decisivamente a vida de milhares de teus conterrâneos. A tua participação neste programa garante que tu e teus amigos integrarão em papel relevante o elenco nas tão aguardadas sequelas de “Vida de Escravidão”, “Sem casa”, “Mil anos de Solidão”, “Diário de uma Prostituta”, “Enganado”, “Onde deixei a minha juventude”, “Fuga da Prisão”, “O meu padrinho”, “Sem hipótese”, “A Dor de dentes”, “A escolha de Francisco”, “As listas”, “Jogos da Fome”, “Combate Sempre”, “A Máquina do Tempo: Madeiric”, “Os milhentos ladrões”,….

Nota: O sucesso dos participantes neste programa de “Chapelada no Atlântico” só é garantido a quem emprestar e partilhar a alma (e consequentemente a direção do corpo). Infrações ao código de conduta a este Programa serão severamente punidas. No caso de partilha de alma, infrações ao código não serão permitidas.
Share on Google Plus