Camaleões à procura de lugar


Enviado por Denúncia Anónima
Sexta-feira, 18 de Janeiro de 2019 19:50
Texto, título  e imagem do autor.


Este dito importante que passa por cima de tudo e todos, sempre esteve na sombra dos sonhos próprios. 

Quando formou empresas privadas de várias áreas, conseguiu dar cabo de tudo, deixando um rasto de contas e de artimanhas em informática, imobiliária, seguros, cabeleireiros. Até inclusive em todas elas com processos dos funcionários. 

Depois achou de se meter na vida pública misturando sempre alhos com bogalhos e fundos europeus, mas sempre utilizando os meios para uso próprio, e mais uma vez tal como um elefante dentro da loja da vista alegre, foi nos ralis, judo, casas do povo, acaporama, amak, accs, casa misericórdia, santacruzense, casa da europa,clube clássicos, entre outras. 

Sempre teve o sonho de um dia chegar a presidente de câmara só que quando se aperceberam do artista que era, e depois de candidato forçado em 2013 pelo PSD, colocaram-no a andar escorraçado e escondido entre as pedras, tapando os buracos que ia deixando, e ele continuando o seu sonho, colou-se ao PS sendo o candidato indicado pelo Carlos Pereira mas vetado pela comissão concelhia nas últimas eleições autárquicas. 

Como viu que nem no PSD, nem no PS, aparece agora em festa de santos ao lado dos católicos a ver se com a confissão e arrependimento lá consegue arranjar um lugarzinho.

Entre estes camaleões, muitos outros andam por aí a se vender por um prato de lentilhas, sem coluna vertebral e sem respeito por si próprio, seja nas freguesias, seja na saúde, seja nos grupos económicos. 
Share on Google Plus