Como Sousa e Pedra se preparam para "despedir" os estivadores


O Grupo Sousa e o "Pedra" vão formar uma nova empresa para se desresponsabilizar de qualquer compromisso com os estivadores.

Os portos são como o nosso hospital, podem construir um novo mas se mantiverem a falta de medicamentos, consumíveis, comida, enfermeiros e médicos das mais várias especialidades, vamos continuar na mesma.

Enquanto o senhor Sousa e o senhor Pedra não se convencerem que é preciso respeitar a lei, como toda a gente, e acabarem com os maus hábitos de monopólio que domina a bel prazer os idiotas da APRAM e do Governo, nada feito. A pergunta é muito simples, como querem respeito se não respeitam ninguém? Porque acham que compram todos? Os senhores empresários gostariam de ser tratados da mesma maneira?

Parece que na cabeça dos dois senhores o que não falta são escravos para trabalhar. Isso pode durar uma semana, um mês mas não num compromisso sério de trabalho. A incidência de acidentes vai aumentar com as condições que nunca dão a ninguém, a qualquer nível, de ordenado, DE CONTRATO COLECTIVO DE TRABALHO, de ambiente de trabalho e de maquinaria.

O nosso Governo Regional e o monopólio já não controlam toda a comunicação, os cidadãos sabem o que estão a fazer. A situação dos portos é igual a do ferry, vai matando governos e empresários que não gostam de ninguém e muito menos da Madeira. Os madeirenses só existem para esta gente para serem explorados até ao tutano. No dinheiro público e nos custos dos fretes.

A presidente da APRAM foi escolhida por ser bruta na matéria, uma incompetente para abanar a cabeça, se repararem, com este problema a decorrer ela não abre a boca. O Sousa já fala para o continente nem liga ao Governo Regional, aqui está controlado, um atestado de palhaça e de palhaço. E a comunicação social é uma safada lobista que vai contra a informação isenta para dar cobertura a estes canalhas. A comunicação social do continente vai pôr vocês no ridículo.

Aqui estão os documentos que provam o jogo sujo que vai a caminho, com a nova empresa que só acrescentou "mar" para ser uma nova, livre de responsabilidades, mas com os mesmos nomes, ampliem por favor, leiam e tirem as vossas conclusões sobre quem a Madeira se deixou dominar e se deve ver livre nas próximas eleições. Votem em quem não foi comprado.

PORQUE NÃO APROVEITA O GOVERNO REGIONAL ESTA MUDANÇA DE EMPRESA, NÃO FOI ELA QUE ASSINOU NADA COM O GOVERNO REGIONAL. É SÓ PARA DESPEDIR ESTIVADORES SEUS BANDIDOS. ISTO VAI HAVER CONFUSÃO NESTA TERRA, ESTÃO AVISADOS!

DOC #1



DOC #2



DOC #3





DOC #4

Share on Google Plus