Dossier de Recompensa: ferry puro e duro


Será que alguém se lembra de que a RTP-Madeira é vista fora de portas? Mesmo que fosse possível sonegar a informação aos madeirenses, que estes não se importassem ou que fossem estúpidos, os estroinas do Dossier de Recompensa não acham que pessoas com outras realidades não se estão a rir com a ficção que criam lá fora? Que tal viajar, ver experiências com ferries e se envergonhar?

A RTP-M deve fechar portas, devemos nos mobilizar para que isso suceda Porque se arrepiam? Basta aplicar as contas do ferry do senhor Mário Gouveia ao caso da televisão regional e seguir as suas conclusões. Sabemos muito bem que é altamente deficitária, muito mais do que o ferry. A RTP-Madeira é um sorvedouro de dinheiro que não tem interesse nenhum, só meia dúzia assiste às barbaridades informativas que praticam e Lisboa paga. E que tal aplicar as contas do ferry do senhor Mário Gouveia aos mamutes e elefantes brancos do Governo Regional? Vamos a isso, vamos gerir bem e perder politicamente. Começamos por onde? JM? Sociedades de desenvolvimento? Tecnopólo? APRAM? Um sem fim ... mas porquê o ferry?

Toda esta vulgaridade e imbecilidade sucede porque o senhor, a quem Mário Gouveia presta vassalagem, trouxe a televisão pública da Madeira a uma fase terminal. Sempre os mesmos a comentar, a gosto dos governantes e do lobby dos portos sem contraditório. Na televisão da Madeira não se privilegia o mérito mas sim quem se agacha, por isso existe um Dossier de Recompensa.

Mas há mais, tal como explora os portos e não paga nem investe, esse senhor armado em dono da Madeira, levando de borla, manda numa televisão sem ser accionista, dono, administrador, nada! Só moveu influências em Lisboa para termos esta palhaçada de televisão regional que permite o senhor da TVI, Mário Gouveia, cavar a sepultura da RTP-M. Ou acham que dizem asneiras e os telespectadores não registam? Lembram-se quando precisaram de apoio e a sondagem disse que era para fechar?

O verdadeiro desejo do Sousa, e de seus capangas, é conseguir uma ditadura da palavra, o isolamento da ilha para que o futuro sorria a meia dúzia!

O senhor Mário Gouveia é um excelente agente para o resultado das Regionais de 2019 e nesse, espero que a RTP-M dê uma volta e desapareça com toda esta gente de baixo nível que, só por berrar, se acham com razão.

Os madeirenses não são estúpidos senhor Mário Gouveia. O seu dono deve andar a morder a língua, porque anda enrascado com uma greve de estivadores. Dava muito jeito meter uns contentores num ferry sem precisar deles mas é burro, é tão egoísta que se entala a si próprio. O senhor Mário Gouveia deseja várias companhias aéreas a operar na Madeira mas nos portos só o Sousa com o monopólio da carga marítima. Grande lógica! Safadinho.

E para a palhaçada ser maior, o senhor Mário Gouveia ainda vem com o exemplo de que a Madeira poderia usar os 3 milhões do ferry para dar condições, requalificar o Porto do Caniçal mas, já reparou que o beneficiário é o mesmo ?! Está em todas.

Sabe o senhor Mário Gouveia porque dá esse exemplo? Porque o Correio da Madeira divulgou as vergonhas do Porto do Caniçal quando todos prestam vassalagem ao Sousa.  Senhor Mário Gouveia o seu dono não investe, só quer facturar, despesas para os madeirenses, lucro para ele, tratar mal os estivadores e facturar, não prestar serviço e facturar, pôr dos fretes mais caros do mundo aqui nesta ilha e o senhor Mário Gouveia defende com unhas e dentes a eliminação da concorrência, ferry rua! Que palhaçada fazem no Dossier de Recompensa, esse sim é um frete barato. Na família Rosa toda gente iliba.

Os armadores não poderiam estar dispostos a vir para a Madeira para aturar este lobismo dos portos e este nível de discussão que se vê tristemente praticada por jornalistas ilhéus!

A Naviera Armas estava a fazer o seu caminho, por sua conta, sem despesas para os Governos, estava a amadurecer o negócio porque nem todos são como o dono do senhor Mário Gouveia que tem tudo subsidiado, filete de espada. Atraiçoaram a iniciativa do armador com jogadas nojentas do Governo de Jardim, que ainda é contra! Perseguiram para defender o Sousa.  E depois fizemos todo este percurso em que o Armador que interessa, que tem tudo, o Armas pois claro, tem que fretar o seu navio e prestar vassalagem ao lobismo para que o Dono da Madeira ganhe milhões. 
As contas que o senhor Mário Gouveia faz espete-as a cara do seu dono, responsável por esta situação em conluio com o Governo de Jardim. Deixe-se de malabarismos e berraria senhor Mário Gouveia.

Quem teve a ideia do ferry e que amadureceu um negócio dito inviável para o Porto Santo? João Silvério Pires. Depois o parasita do seu dono, senhor Mário Gouveia, mais uma vez andou em jogos nojentos para afastar e concretizar mais um monopólio.

Se a linha do Porto Santo é rentável que se retire os subsídios e a forma encapotada de viabilizar. Se não é rentável que se aplique as ideias do senhor Mário Gouveia. Acabe-se com o ferry Madeira - Porto Santo já! Tenham coragem de aplicar as ideias do senhor Mário Gouveia! O mercado Madeira - Continente é maior do que o Madeira - Porto Santo senhor Mário Gouveia, deixe amadurecer em vez de promover este triste episódio de um ilhéu não querer transportes. Vergonhosa subjugação ao dono!
A causa do ferry é justa, só um não viajado ou sonegador da verdade pode dizer as barbaridades do senhor Mário Gouveia. Em 2019 vamos limpar muita coisa na Madeira. Quanto mais ofendem a inteligência do madeirense maior é o desejo. A Madeira é de todos e não desta meia dúzia de imbecis. VIVA A MADEIRA!
Nota: Devemos guardar estes programas para memória futura. Isto é para doer, doa a quem doer e ver para crer:

Share on Google Plus